1 Coríntios 16

1 Ora, quanto à coleta que se faz para os santos, fazei vós também o mesmo que ordenei às igrejas da Galácia.

2 No primeiro dia da semana cada um de vós ponha de parte o que puder ajuntar, conforme a sua prosperidade, para que não se façam as coletas quando eu chegar.

3 E, quando tiver chegado, mandarei os que por cartas aprovardes, para levar a vossa dádiva a Jerusalém.

4 E, se valer a pena que eu também vá, irão comigo.

5 Irei, porém, ter convosco depois de ter passado pela macedônia (porque tenho de passar pela macedônia).

6 E bem pode ser que fique convosco, e passe também o inverno, para que me acompanheis aonde quer que eu for.

7 Porque não vos quero agora ver de passagem, mas espero ficar convosco algum tempo, se o Senhor o permitir.

8 Ficarei, porém, em Éfeso até ao Pentecostes;

9 Porque uma porta grande e eficaz se me abriu; e há muitos adversários.

10 E, se Timóteo for, vede que esteja sem temor convosco; porque trabalha na obra do Senhor, como eu também.

11 Portanto, ninguém o despreze, mas acompanhai-o em paz, para que venha ter comigo; pois o espero com os irmãos.

12 E, acerca do irmão Apolo, roguei-lhe muito que fosse com os irmãos ter convosco, mas, na verdade, não teve vontade de ir agora; irá, porém, quando se lhe oferecer boa ocasião.

13 Vigiai, estai firmes na fé; portai-vos varonilmente, e fortalecei-vos.

14 Todas as vossas coisas sejam feitas com amor.

15 Agora vos rogo, irmãos (sabeis que a família de Estéfanas é as primícias da Acaia, e que se tem dedicado ao ministério dos santos),

16 Que também vos sujeiteis aos tais, e a todo aquele que auxilia na obra e trabalha.

17 Folgo, porém, com a vinda de Estéfanas, de Fortunato e de Acaico; porque estes supriram o que da vossa parte me faltava.

18 Porque recrearam o meu espírito e o vosso. Reconhecei, pois, aos tais.

19 As igrejas da Ásia vos saúdam. Saúdam-vos afetuosamente no Senhor áqüila e Priscila, com a igreja que está em sua casa.

20 Todos os irmãos vos saúdam. Saudai-vos uns aos outros com ósculo santo.

21 Saudação da minha própria mão, de Paulo.

22 Se alguém não ama ao Senhor Jesus Cristo, seja anátema. Maranata!

23 A graça do Senhor Jesus Cristo seja convosco.

24 O meu amor seja com todos vós em Cristo Jesus. Amém.

1 Quanto à coleta em benefício dos santos, segui também vós as diretrizes que eu tracei às igrejas da Galácia.

2 No primeiro dia da semana, cada um de vós ponha de parte o que tiver podido poupar, para que não esperem a minha chegada para fazer as coletas.

3 Quando chegar, enviarei, com uma carta, os que tiverdes escolhido para levar a Jerusalém a vossa oferta.

4 Se valer a pena que eu também vá, irão comigo.

5 Irei ter convosco, depois que tiver passado pela Macedônia; apenas passarei por lá.

6 Talvez fique convosco ou até passe todo o inverno, para que me leveis aonde eu tenho de ir.

7 Desta vez, quero vos ver não somente de passagem, mas espero demorar-me algum tempo convosco, se o Senhor o permitir.

8 Ficarei em Éfeso até Pentecostes:

9 aí se me abriu uma grande porta à minha atividade e os adversários aí são muitos.

10 Se Timóteo for visitar-vos, vede que esteja sem preocupação entre vós, porque trabalha exatamente como eu na obra do Senhor.

11 Portanto, ninguém o despreze. E preparai-lhe a viagem em paz para que venha ter comigo, porque o espero com os irmãos.

12 Quanto ao nosso irmão Apolo, roguei-lhe muito fosse ter convosco com os irmãos, mas de modo algum quis ele ir agora. Contudo irá ver-vos, quando tiver oportunidade.

13 Vigiai! Sede firmes na fé! Sede homens! Sede fortes!

14 Tudo o que fazeis, fazei-o na caridade.

15 Ainda uma recomendação, irmãos: sabeis que a família de Estéfanas são as primícias da Acaia e se consagraram ao serviço dos santos.

16 Tratai essas pessoas com consideração, bem como todos aqueles que ajudam e trabalham na mesma obra.

17 Eu me alegro com a vinda de Estéfanas, Fortunato e Acaico, porque eles supriram a vossa ausência,

18 e tranqüilizaram o meu espírito e o vosso. Tende, pois, consideração a tais homens.

19 As igrejas da Ásia vos saúdam. Áquila e Prisca, com a comunidade que se reúne em sua casa, enviam-vos muitas saudações.

20 Todos os irmãos vos saúdam. Saudai-vos uns aos outros com ósculo santo.

21 Esta saudação escrevo-a de próprio punho: PAULO.

22 Se alguém não amar o Senhor, seja maldito! Maran atá.

23 A graça do Senhor Jesus esteja convosco.

24 Eu vos amo a todos vós em Cristo Jesus.