Juízes 17

1 Havia um homem chamado Mica, que vivia na região montanhosa de Efraim.

2 Certo dia, disse à sua mãe: “Eu a ouvi amaldiçoar a pessoa que roubou suas 1.100 peças de prata. Na verdade, fui eu quem roubou essa prata; ela está comigo”. “O Senhor o abençoe, meu filho”, respondeu a mãe.

3 Ele devolveu a prata, e ela disse: “Dedico solenemente estas peças de prata ao Senhor. Em favor de meu filho, mandarei fazer uma imagem esculpida e um ídolo de metal”.

4 Assim, quando ele devolveu a prata à mãe, ela separou duzentas peças e as entregou a um ourives. Delas ele fez uma imagem esculpida e um ídolo de metal, que foram colocados na casa de Mica.

5 Esse homem, Mica, construiu um santuário para o ídolo e também fez um colete sacerdotal e alguns ídolos do lar. Então nomeou um de seus filhos como seu sacerdote pessoal.

6 Naqueles dias, Israel não tinha rei; cada um fazia o que parecia certo a seus próprios olhos.

7 Certo dia, um jovem levita que vivia em Belém de Judá chegou àquela região.

8 Havia saído de Belém à procura de outro lugar para morar. Em sua viagem, chegou à região montanhosa de Efraim e aconteceu de parar na casa de Mica.

9 “De onde você vem?”, perguntou Mica. Ele respondeu: “Sou levita, de Belém de Judá, e estou à procura de um lugar para morar”.

10 “Fique aqui comigo e seja pai e sacerdote para mim”, disse Mica. “Eu lhe darei dez peças de prata por ano, além de roupa e comida.”

11 O jovem levita concordou e se tornou como um dos filhos de Mica.

12 Então Mica nomeou o levita seu sacerdote pessoal, e o jovem ficou morando em sua casa.

13 Mica disse: “Agora sei que o Senhor será bondoso comigo, pois tenho um levita como meu sacerdote!”.

Copyright© 2017 por Editora Mundo Cristão. Todos os direitos reservados em língua portuguesa. A Nova Versão Transformadora (NVT) e seu logotipo são marcas registradas. Usados com permissão.