22

1 Outra intervenção de Elifaz:

2 Será um mero ser humano de algum valor perante Deus? Até o mais sábio de entre eles,só tem valor aos seus próprios olhos!

3 Tem Deus algum benefício se fores justo? Teria ele algum lucro se fosses perfeito?

4 Ou repreender-te-á ele porque és honesto?

5 De forma alguma! Se te castiga é porque és mau! Os teus pecados são incontáveis!

6 Tu com certeza que recusaste emprestar dinheiroa amigos necessitadosse não fosse em troca de algum penhor de valia- sim, despojaste-os e deixaste-os sós.

7 Deves ter recusado água a gente sedenta e pão a famintos.

8 Por outro lado, sem dúvida que nunca recusaste nadaa pessoas importantes; deixaste os que vivem folgados andar por onde quisessem.

9 Mandaste embora viúvas sem o auxílio de que precisavam,e houve órfãos que ficaram destroçados.

12 Deus está lá no céu- mais alto do que o firmamento, mais além das estrelas.

13 No entanto atreves-te a pensar assim: 'Por isso mesmo é que ele não pode ver o que faço! Como pode ele exercer o seu julgamentoatravés da espessa escuridão do infinito?

14 Porque espessas nuvens o rodeiam, e portanto não pode ver; ele anda lá por cima, passeando sobre a abóbada celeste.'

17 Eles dizem para o Senhor 'Vai-te embora, Deus! Nada podes fazer por nós!' Que Deus me guarde de vir alguma vez a dizer tais coisas.

18 Esquecem-se de que foi Deusquem encheu os seus lares de boas coisas.

19 Mas agora o recto vê-los-á destruídos; o inocente rir-se-á deles.

20 'Vejam bem

21 Pára de discutir com Deus! Tem paz com ele e terás enfim descanso!

22 Ouve as suas instruções e armazena-as no coração.

23 Se te voltares para Deus e puseres em ordemtudo o que está mal na tua casa,então a tua vida será refeita.

26 Então terás prazer no Senhor, e buscarás Deus.

27 Orarás a ele e te ouvirá;serás capaz de cumprir todas as promessas que lhe fizeste.

28 Seja o que for que desejares, ser-te-á concedido! A luz do céu iluminar-te-á o caminho, à tua frente.