32

1 Os três homens recusaram continuar a responder a Job por este insistir na sua inocência.

2 Então Eliú (filho de Baraquel o buzita, da família de Rão) irritou-se porque Job recusava admitir que tinha pecado, e não queria admitir que Deus o castigava com razão.

3 Mas por outro lado estava também zangado com os três amigos de Job, porque, tendo sido incapazes de responder aos seus argumentos, contudo continuavam a condená-lo.

4 Eliú esperou até esta altura para falar, porque os outros eram todos mais velhos que ele.

7 mas ao fim e ao cabo, não é a idade que faz as pessoas mais sábias. Pelo contrário é o espírito que há no homem,o sopro do Deus poderoso,que o faz inteligente.

10 Portanto escutem-me e permitam-me que expresse a minha opinião.

13 E não me venham dizer que'Somente Deus convence o pecador do seu pecado'.

14 Se Job tivesse discutido comigonunca lhe teria respondido com esse tipo de lógica!

15 Agora aí estão vocês, desiludidos,esgotada a vossa capacidade de resposta.

16 Havia eu pois de continuar a esperar em silêncio? Não.

17 Vou dar já a minha resposta também.

19 Sou como um barril de vinho fechado, sem ventilação! Estou pronto a rebentar com palavras!

20 Sou obrigado a falar, para poder respirar,por isso deixem-me dizer tudo o que preciso, como resposta.

21 Não serei parcial a favor de alguém, não lisonjearei ninguém.

22 Se eu fosse hábil na lisonja,o meu Criador logo me castigaria.