1 Crônicas 16

1 Levaram a arca de Deus e a puseram no meio da tenda que Davi tinha preparado para ela. Então trouxeram holocaustos e ofertas pacíficas diante de Deus.

2 Depois de trazer os holocaustos e as ofertas pacíficas, Davi abençoou o povo em nome do Senhor.

3 E repartiu a todos em Israel, tanto homens como mulheres, a cada um, um bolo de pão, um bom pedaço de carne e passas.

4 Designou dentre os levitas os que haviam de ministrar diante da arca do Senhor, e celebrar, louvar e exaltar o Senhor, Deus de Israel, a saber,

5 Asafe, o chefe, Zacarias, o segundo, e depois Jeiel, Semiramote, Jeiel, Matitias, Eliabe, Benaia, Obede-Edom e Jeiel, com liras e harpas; e Asafe fazia ressoar os címbalos.

6 Os sacerdotes Benaia e Jaaziel estavam continuamente com trombetas, diante da arca da aliança de Deus.

7 Foi naquele dia que Davi encarregou, pela primeira vez, Asafe e seus irmãos de celebrarem com hinos o Senhor.

8 Deem graças ao Senhor, invoquem o seu nome; tornem conhecidos entre os povos os seus feitos.

9 Cantem a Deus, cantem louvores a ele; falem de todas as suas maravilhas.

10 Gloriem-se no seu santo nome; alegre-se o coração dos que buscam o Senhor.

11 Busquem o Senhor e o seu poder; busquem continuamente a sua presença.

12 Lembrem-se das maravilhas que ele fez, dos seus prodígios e dos juízos de seus lábios,

13 vocês, descendentes de Israel, seu servo, vocês, filhos de Jacó, seus escolhidos.

14 Ele é o Senhor, nosso Deus; os seus juízos permeiam toda a terra.

15 Lembra-se perpetuamente da sua aliança, da palavra que empenhou para mil gerações;

16 da aliança que fez com Abraão e do juramento que fez a Isaque;

17 o qual confirmou a Jacó por decreto e a Israel, por aliança perpétua,

18 dizendo: “Eu lhe darei a terra de Canaã como porção da sua herança.”

19 Então eles eram em pequeno número, pouquíssimos e estrangeiros na terra de Canaã;

20 andavam de nação em nação, de um reino para outro reino.

21 Deus não permitiu que ninguém os oprimisse, e, por amor deles, repreendeu reis,

22 dizendo: “Não toquem nos meus ungidos, nem maltratem os meus profetas.”

23 Cantem ao Senhor, todas as terras; proclamem a sua salvação, dia após dia.

24 Anunciem entre as nações a sua glória, entre todos os povos, as suas maravilhas.

25 Porque o Senhor é grande e digno de ser louvado, mais temível do que todos os deuses.

26 Porque todos os deuses dos povos não passam de ídolos; o Senhor, porém, fez os céus.

27 Glória e majestade estão diante dele, força e alegria, no seu santuário.

28 Deem ao Senhor, ó famílias dos povos, deem ao Senhor glória e força.

29 Deem ao Senhor a glória devida ao seu nome; tragam ofertas e entrem nos seus átrios. Adorem o Senhor na beleza da sua santidade.

30 Tremam diante dele, todas as terras, pois ele firmou o mundo para que não se abale.

31 Alegrem-se os céus, e a terra exulte; diga-se entre as nações: “O Senhor reina.”

32 Ruja o mar e a sua plenitude; alegre-se o campo e tudo o que nele há.

33 Cantem de alegria as árvores do bosque, na presença do Senhor, porque vem julgar a terra.

34 Deem graças ao Senhor, porque ele é bom, porque a sua misericórdia dura para sempre.

35 E digam: “Salva-nos, ó Deus da nossa salvação, congrega-nos e livra-nos das nações, para que demos graças ao teu santo nome e nos gloriemos no teu louvor.”

36 Bendito seja o Senhor, Deus de Israel, de eternidade a eternidade. E todo o povo disse: “Amém!” E louvou o Senhor.

37 Então Davi deixou Asafe e seus irmãos ali diante da arca da aliança do Senhor, para ministrarem continuamente diante dela, segundo o que estava ordenado para cada dia.

38 Também deixou Obede-Edom com os seus irmãos, em número de sessenta e oito, bem como Obede-Edom, filho de Jedutum, e Hosa, para serem porteiros.

39 E deixou Zadoque, o sacerdote, e os sacerdotes, seus irmãos, diante do tabernáculo do Senhor, num lugar alto de Gibeão,

40 para oferecerem continuamente ao Senhor os holocaustos sobre o altar dos holocaustos, de manhã e de tarde, segundo tudo o que está escrito na Lei que o Senhor havia ordenado a Israel.

41 E com eles deixou Hemã, Jedutum e os demais escolhidos, que foram nominalmente designados para louvarem o Senhor, porque a sua misericórdia dura para sempre.

42 Portanto, com eles estavam Hemã e Jedutum, que faziam ressoar trombetas, címbalos e instrumentos musicais usados para louvar a Deus. Os filhos de Jedutum eram porteiros.

43 Então todo o povo se retirou, cada um para sua casa; Davi também foi, para abençoar a sua casa.

Nova Almeida Atualizada© Copyright © 2017 Sociedade Bíblica do Brasil. Todos os direitos reservados. Texto bíblico utilizado com autorização. Saiba mais sobre a Sociedade Bíblica do Brasil www.sbb.org.br. A Sociedade Bíblica do Brasil trabalha para que a Bíblia esteja, efetivamente, ao alcance de todos e seja lida por todos. A SBB é uma entidade sem fins lucrativos, dedicada a promover o desenvolvimento integral do ser humano. Você também pode ajudar a Causa da Bíblia!