Hebreus 10

1 A Lei traz apenas uma sombra dos benefícios que hão de vir, e não a realidade dos mesmos. Por isso ela nunca consegue, mediante os mesmos sacrifícios repetidos ano após ano, aperfeiçoar os que se aproximam para adorar.

2 Se pudesse fazê-lo, não deixariam de ser oferecidos? Pois os adoradores, tendo sido purificados uma vez por todas, não mais se sentiriam culpados de seus pecados.

3 Contudo, esses sacrifícios são uma recordação anual dos pecados,

4 pois é impossível que o sangue de touros e bodes tire pecados.

5 Por isso, quando Cristo veio ao mundo, disse: "Sacrifício e oferta não quiseste, mas um corpo me preparaste;

6 de holocaustos e ofertas pelo pecado não te agradaste".

7 Então eu disse: Aqui estou, no livro está escrito a meu respeito; vim para fazer a tua vontade, ó Deus.

8 Primeiro ele disse: "Sacrifícios, ofertas, holocaustos e ofertas pelo pecado não quiseste, nem deles te agradaste" ( os quais eram feitos conforme a Lei ).

9 Então acrescentou: "Aqui estou; vim para fazer a tua vontade". Ele cancela o primeiro para estabelecer o segundo.

10 Pelo cumprimento dessa vontade fomos santificados, por meio do sacrifício do corpo de Jesus Cristo, oferecido uma vez por todas.

11 Dia após dia, todo sacerdote apresenta-se e exerce os seus deveres religiosos; repetidamente oferece os mesmos sacrifícios, que nunca podem remover os pecados.

12 Mas quando este sacerdote acabou de oferecer, para sempre, um único sacrifício pelos pecados, assentou-se à direita de Deus.

13 Daí em diante, ele está esperando até que os seus inimigos sejam colocados como estrado dos seus pés;

14 porque, por meio de um único sacrifício, ele aperfeiçoou para sempre os que estão sendo santificados.

15 O Espírito Santo também nos testifica a este respeito. Primeiro ele diz:

16 "Esta é a aliança que farei com eles, depois daqueles dias, diz o Senhor. Porei as minhas leis em seus corações e as escreverei em suas mentes";

17 e acrescenta: "Dos seus pecados e iniqüidades não me lembrarei mais".

18 Onde essas coisas foram perdoadas, não há mais necessidade de sacrifício pelo pecado.

19 Portanto, irmãos, temos plena confiança para entrar no Santo dos Santos pelo sangue de Jesus,

20 por um novo e vivo caminho que ele nos abriu por meio do véu, isto é, do seu corpo.

21 Temos, pois, um grande sacerdote sobre a casa de Deus.

22 Sendo assim, aproximemo-nos de Deus com um coração sincero e com plena convicção de fé, tendo os corações aspergidos para nos purificar de uma consciência culpada e tendo os nossos corpos lavados com água pura.

23 Apeguemo-nos com firmeza à esperança que professamos, pois aquele que prometeu é fiel.

24 E consideremo-nos uns aos outros para incentivar-nos ao amor e às boas obras.

25 Não deixemos de reunir-nos como igreja, segundo o costume de alguns, mas encorajemo-nos uns aos outros, ainda mais quando vocês vêem que se aproxima o Dia.

26 Se continuarmos a pecar deliberadamente depois que recebemos o conhecimento da verdade, já não resta sacrifício pelos pecados,

27 mas tão-somente uma terrível expectativa de juízo e de fogo intenso que consumirá os inimigos de Deus.

28 Quem rejeitava a lei de Moisés morria sem misericórdia pelo depoimento de duas ou três testemunhas.

29 Quão mais severo castigo, julgam vocês, merece aquele que pisou aos pés o Filho de Deus, que profanou o sangue da aliança pelo qual ele foi santificado, e insultou o Espírito da graça?

30 Pois conhecemos aquele que disse: "A mim pertence a vingança; eu retribuirei"; e outra vez: "O Senhor julgará o seu povo".

31 Terrível coisa é cair nas mãos do Deus vivo!

32 Lembrem-se dos primeiros dias, depois que vocês foram iluminados, quando suportaram muita luta e muito sofrimento.

33 Algumas vezes vocês foram expostos a insultos e tribulações; em outras ocasiões fizeram-se solidários com os que assim foram tratados.

34 Vocês se compadeceram dos que estavam na prisão e aceitaram alegremente o confisco dos próprios bens, pois sabiam que possuíam bens superiores e permanentes.

35 Por isso, não abram mão da confiança que vocês têm; ela será ricamente recompensada.

36 Vocês precisam perseverar, de modo que, quando tiverem feito a vontade de Deus, recebam o que ele prometeu;

37 pois em breve, muito em breve "Aquele que vem virá, e não demorará.

38 Mas o meu justo viverá pela fé. E, se retroceder, não me agradarei dele".

39 Nós, porém, não somos dos que retrocedem e são destruídos, mas dos que crêem e são salvos.

1 The law is only a shadow of the good things that are coming —not the realities themselves. For this reason it can never, by the same sacrifices repeated endlessly year after year, make perfect those who draw near to worship.

2 Otherwise, would they not have stopped being offered? For the worshipers would have been cleansed once for all, and would no longer have felt guilty for their sins.

3 But those sacrifices are an annual reminder of sins.

4 It is impossible for the blood of bulls and goats to take away sins.

5 Therefore, when Christ came into the world, he said: "Sacrifice and offering you did not desire, but a body you prepared for me;

6 with burnt offerings and sin offerings you were not pleased.

7 Then I said, 'Here I am —it is written about me in the scroll — I have come to do your will, my God.'" [^1]

8 First he said, "Sacrifices and offerings, burnt offerings and sin offerings you did not desire, nor were you pleased with them" —though they were offered in accordance with the law.

9 Then he said, "Here I am, I have come to do your will." He sets aside the first to establish the second.

10 And by that will, we have been made holy through the sacrifice of the body of Jesus Christ once for all.

11 Day after day every priest stands and performs his religious duties; again and again he offers the same sacrifices, which can never take away sins.

12 But when this priest had offered for all time one sacrifice for sins, he sat down at the right hand of God,

13 and since that time he waits for his enemies to be made his footstool.

14 For by one sacrifice he has made perfect forever those who are being made holy.

15 The Holy Spirit also testifies to us about this. First he says:

16 "This is the covenant I will make with them after that time, says the Lord. I will put my laws in their hearts, and I will write them on their minds." [^2]

17 Then he adds: "Their sins and lawless acts I will remember no more." [^3]

18 And where these have been forgiven, sacrifice for sin is no longer necessary.

19 Therefore, brothers and sisters, since we have confidence to enter the Most Holy Place by the blood of Jesus,

20 by a new and living way opened for us through the curtain, that is, his body,

21 and since we have a great priest over the house of God,

22 let us draw near to God with a sincere heart and with the full assurance that faith brings, having our hearts sprinkled to cleanse us from a guilty conscience and having our bodies washed with pure water.

23 Let us hold unswervingly to the hope we profess, for he who promised is faithful.

24 And let us consider how we may spur one another on toward love and good deeds,

25 not giving up meeting together, as some are in the habit of doing, but encouraging one another —and all the more as you see the Day approaching.

26 If we deliberately keep on sinning after we have received the knowledge of the truth, no sacrifice for sins is left,

27 but only a fearful expectation of judgment and of raging fire that will consume the enemies of God.

28 Anyone who rejected the law of Moses died without mercy on the testimony of two or three witnesses.

29 How much more severely do you think someone deserves to be punished who has trampled the Son of God underfoot, who has treated as an unholy thing the blood of the covenant that sanctified them, and who has insulted the Spirit of grace?

30 For we know him who said, "It is mine to avenge; I will repay," "and again, "The Lord will judge his people." [^5]

31 It is a dreadful thing to fall into the hands of the living God.

32 Remember those earlier days after you had received the light, when you endured in a great conflict full of suffering.

33 Sometimes you were publicly exposed to insult and persecution; at other times you stood side by side with those who were so treated.

34 You suffered along with those in prison and joyfully accepted the confiscation of your property, because you knew that you yourselves had better and lasting possessions.

35 So do not throw away your confidence; it will be richly rewarded.

36 You need to persevere so that when you have done the will of God, you will receive what he has promised.

37 For, "In just a little while, he who is coming will come and will not delay." [^6]

38 And, "But my righteous "one will live by faith. And I take no pleasure in the one who shrinks back." [^8]

39 But we do not belong to those who shrink back and are destroyed, but to those who have faith and are saved.