10 Como está escrito: "Não há nenhum justo, nem um sequer;

11 não há ninguém que entenda, ninguém que busque a Deus.

12 Todos se desviaram, tornaram-se juntamente inúteis; não há ninguém que faça o bem, não há nem um sequer".

13 "Suas gargantas são um túmulo aberto; com suas línguas enganam". "Veneno de serpentes está em seus lábios".

14 "Suas bocas estão cheias de maldição e amargura".

15 "Seus pés são ágeis para derramar sangue;

16 ruína e desgraça marcam os seus caminhos,

17 e não conhecem o caminho da paz".

18 "Aos seus olhos é inútil temer a Deus".

19 Sabemos que tudo o que a lei diz, o diz àqueles que estão debaixo dela, para que toda boca se cale e todo o mundo esteja sob o juízo de Deus.

20 Portanto, ninguém será declarado justo diante dele baseando-se na obediência à lei, pois é mediante a lei que nos tornamos plenamente conscientes do pecado.

21 Mas agora se manifestou uma justiça que provém de Deus, independente da lei, da qual testemunham a Lei e os Profetas,

22 justiça de Deus mediante a fé em Jesus Cristo para todos os que crêem. Não há distinção,

23 pois todos pecaram e estão destituídos da glória de Deus,

24 sendo justificados gratuitamente por sua graça, por meio da redenção que há em Cristo Jesus.

25 Deus o ofereceu como sacrifício para propiciação mediante a fé, pelo seu sangue, demonstrando a sua justiça. Em sua tolerância, havia deixado impunes os pecados anteriormente cometidos;

Romanos 3:10-25