Oséias 8

1 “Soem o alarme! O inimigo desce como águia sobre o templo do Senhor. Pois o povo quebrou minha aliança e se rebelou contra minha lei.

2 Agora, Israel clama a mim: ‘Socorre-nos, pois és nosso Deus!’.

3 Mas os israelitas rejeitaram o bem, e agora o inimigo os persegue.

4 Nomearam reis sem que eu consentisse e escolheram príncipes sem minha aprovação. Fizeram para si ídolos de prata e ouro e assim provocaram a própria destruição.

5 “Ó Samaria, rejeito o bezerro que você fez! Minha ira arde contra você; até quando será incapaz de se manter inocente?

6 Esse bezerro que você adora, ó Israel, foi feito por suas próprias mãos; ele não é Deus! Portanto, deve ser despedaçado.

7 “Semearam ventos e colherão vendaval. Os talos de trigo murcharão e não produzirão alimento. E, mesmo que haja trigo, os estrangeiros o comerão.

8 O povo de Israel foi engolido; está abandonado entre as nações, como utensílio que ninguém quer.

9 Como jumento selvagem no cio, subiram até a Assíria. O povo de Israel se vendeu a muitos amantes.

10 Embora tenham se vendido às nações, agora eu os reunirei para o julgamento. Começarão a definhar sob a opressão do grande rei.

11 “O povo de Israel construiu muitos altares para remover o pecado, mas esses mesmos altares se tornaram lugares para pecar.

12 Embora eu lhes tenha dado minhas leis, agem como se elas não se aplicassem a eles.

13 Gostam de oferecer sacrifícios e comer de sua carne, mas eu não aceito esses sacrifícios. Pedirei conta de seus pecados e os castigarei; eles voltarão para o Egito.

14 Israel se esqueceu de seu Criador e construiu grandes palácios, e Judá fortificou suas cidades. Por isso, enviarei fogo sobre suas cidades e queimarei suas fortalezas.”

Copyright© 2017 por Editora Mundo Cristão. Todos os direitos reservados em língua portuguesa. A Nova Versão Transformadora (NVT) e seu logotipo são marcas registradas. Usados com permissão.