Êxodo 37

1 Beseleel fez a arca de madeira de acácia; seu comprimento era de dois côvados e meio, sua largura de um côvado e meio, e sua altura de um côvado e meio.

2 Cobriu-a de ouro puro por dentro e fez-lhe por fora, ao redor, uma bordadura de ouro.

3 Fundiu para ela quatro argolas de ouro e pô-las nos seus quatro pés, duas de um lado e duas de outro.

4 Fez varais de madeira de acácia, revestidos de ouro,

5 que passou nas argolas colocadas dos lados da arca, para poder transportá-la.

6 Fez uma tampa de ouro puro, cujo comprimento era de dois côvados e meio, e a largura de um côvado e meio.

7 Fez dois querubins de ouro, feitos de ouro batido, nas duas extremidades da tampa,

8 um de um lado, outro de outro, de maneira que faziam corpo com as duas extremidades da tampa.

9 Esses querubins, com as faces voltadas um para o outro, tinham as asas estendidas para o alto, e protegiam com elas a tampa para a qual tinham as faces inclinadas.

10 Fez a mesa de madeira de acácia; seu comprimento era de dois côvados, sua largura de um côvado e sua altura de um côvado e meio.

11 Recobriu-a de ouro puro e fez ao seu redor uma bordadura de ouro.

12 Cercou-a de uma orla de um palmo de largura, com uma bordadura de ouro corrente em toda a volta.

13 Fundiu para a mesa quatro argolas de ouro, que fixou aos quatro ângulos de seus pés.

14 Essas argolas, colocadas à altura da orla, eram destinadas a receber os varais que serviriam ao transporte da mesa.

15 Fez varais de madeira de acácia revestidos de ouro, para servir ao transporte da mesa.

16 Fez de ouro puro os utensílios que deviam ser colocados sobre a mesa: os vasos, as xícaras, os copos e as taças necessárias às libações.

17 Fez o candelabro de ouro puro, de ouro batido, com seu pé e sua haste: seus cálices, seus botões e suas flores formavam um todo com ele.

18 Seis braços saam de seus lados, três de um lado e três de outro.

19 Em um braço havia três cálices em forma de flor de amendoeira, com um botão e uma flor; na segunda haste havia três cálices, em forma de flor de amendoeira, com um botão e uma flor, e assim por diante para os seis braços que saíam do candelabro.

20 No próprio candelabro havia quatro cálices em forma de flor de amendoeira, com seus botões e suas flores:

21 um botão sob os dois primeiros braços que saíam do candelabro, um botão sob os dois braços seguintes, e um botão sob os dois últimos; e assim era com os seis braços que saíam do candelabro.

22 Esses botões e esses braços faziam corpo com o candelabro, formando o todo uma só peça de ouro puro batido.

23 Fez sete lâmpadas de ouro puro; e fez de ouro puro as suas espevitadeiras e os seus cinzeiros.

24 Empregou um talento de ouro puro na confecção do candelabro e seus acessórios.

25 Fez o altar dos perfumes de madeira de acácia. Seu comprimento foi de um côvado, e sua largura de um côvado; era quadrado e tinha dois côvados de altura; seus cornos faziam corpo com ele.

26 Cobriu de ouro puro a sua parte superior, os seus lados ao redor e os seus cornos; e pôs uma bordadura de ouro ao redor.

27 Fez para ele duas argolas de ouro, que foram colocadas abaixo da bordadura, dos dois lados, e serviriam para receber os dois varais destinados ao seu transporte.

28 Fez varais de madeira de acácia, revestidos de ouro,

29 e fez também o óleo para a unção santa e o perfume aromático, composto segundo a arte do perfumista.

1 Fecit autem Beseleel et ar cam de lignis acaciae haben tem duos semis cubitos in longitudine et cubitum ac semissem in latitudine, altitudo quoque unius cubiti fuit et dimidii; vestivitque eam auro purissimo intus ac foris.

2 Et fecit illi coronam auream per gyrum,

3 conflans quattuor anulos aureos in quattuor pedibus eius; duos anulos in latere uno et duos in altero.

4 Vectes quoque fecit de lignis acaciae, quos vestivit auro

5 et quos misit in anulos, qui erant in lateribus arcae, ad portandum eam.

6 Fecit et propitiatorium de auro mundissimo: duorum cubitorum et dimidii in longitudine et cubiti ac semis in latitudine.

7 Duos etiam cherubim ex auro ductili fecit ex utraque parte propitiatorii:

8 cherub unum ex summitate unius partis et cherub alterum ex summitate partis alterius; duos cherubim ex singulis summitatibus propitiatorii

9 extendentes alas sursum et tegentes alis suis propitiatorium seque mutuo et illud respicientes.

10 Fecit et mensam de lignis acaciae in longitudine duorum cubitorum et in latitudine unius cubiti, quae habebat in altitudine cubitum ac semissem;

11 circumdeditque eam auro mundissimo et fecit illi coronam auream per gyrum.

12 Fecit ei quoque limbum aureum quattuor digitorum per circuitum et super illum coronam auream.

13 Fudit et quattuor circulos aureos, quos posuit in quattuor angulis per singulos pedes mensae

14 iuxta limbum; misitque in eos vectes, ut possit mensa portari.

15 Ipsos quoque vectes fecit de lignis acaciae et circumdedit eos auro;

16 et vasa ad diversos usus mensae, acetabula, phialas et cyathos et crateras ex auro puro, in quibus offerenda sunt libamina.

17 Fecit et candelabrum ductile de auro mundissimo, basim et hastile eius; scyphi sphaerulaeque ac flores unum cum ipso erant:

18 sex in utroque latere, tres calami ex parte una et tres ex altera;

19 tres scyphi in nucis modum in calamo uno sphaerulaeque simul et flores et tres scyphi instar nucis in calamo altero sphaerulaeque simul et flores. Aequum erat opus sex calamorum, qui procedebant de hastili candelabri.

20 In ipso autem hastili erant quattuor scyphi in nucis modum sphaerulaeque et flores;

21 singulae sphaerulae sub binis calamis per loca tria, qui simul sex fiunt calami procedentes de hastili uno.

22 Sphaerulae igitur et calami unum cum ipso erant, totum ductile ex auro purissimo.

23 Fecit et lucernas septem cum emunctoriis suis et vasa, ubi emuncta condantur, de auro mundissimo.

24 Talentum auri purissimi appendebat candelabrum cum omnibus vasis suis.

25 Fecit et altare thymiamatis de lignis acaciae habens per quadrum singulos cubitos et in altitudine duos; e cuius angulis procedebant cornua.

26 Vestivitque illud auro purissimo cum craticula ac parietibus et cornibus.

27 Fecitque ei coronam aureolam per gyrum et binos anulos aureos sub corona in duobus lateribus, ut mittantur in eos vectes, et possit altare portari.

28 Ipsos autem vectes fecit de lignis acaciae et operuit laminis aureis.

29 Composuit et oleum ad sanctificationis unguentum et thymiama de aromatibus mundissimis opere pigmentarii.