Efésios 3

1 Por esta causa eu, Paulo, sou o prisioneiro de Jesus Cristo por vós, os gentios;

2 Se é que tendes ouvido a dispensação da graça de Deus, que para convosco me foi dada;

3 Como me foi este mistério manifestado pela revelação, como antes um pouco vos escrevi;

4 Por isso, quando ledes, podeis perceber a minha compreensão do mistério de Cristo,

5 O qual noutros séculos não foi manifestado aos filhos dos homens, como agora tem sido revelado pelo Espírito aos seus santos apóstolos e profetas;

6 A saber, que os gentios são co-herdeiros, e de um mesmo corpo, e participantes da promessa em Cristo pelo evangelho;

7 Do qual fui feito ministro, pelo dom da graça de Deus, que me foi dado segundo a operação do seu poder.

8 A mim, o mínimo de todos os santos, me foi dada esta graça de anunciar entre os gentios, por meio do evangelho, as riquezas incompreensíveis de Cristo,

9 E demonstrar a todos qual seja a comunhão do mistério, que desde os séculos esteve oculto em Deus, que tudo criou por meio de Jesus Cristo;

10 Para que agora, pela igreja, a multiforme sabedoria de Deus seja conhecida dos principados e potestades nos céus,

11 Segundo o eterno propósito que fez em Cristo Jesus nosso Senhor,

12 No qual temos ousadia e acesso com confiança, pela nossa fé nele.

13 Portanto, vos peço que não desfaleçais nas minhas tribulações por vós, que são a vossa glória.

14 Por causa disto me ponho de joelhos perante o Pai de nosso Senhor Jesus Cristo,

15 Do qual toda a família nos céus e na terra toma o nome,

16 Para que, segundo as riquezas da sua glória, vos conceda que sejais corroborados com poder pelo seu Espírito no homem interior;

17 Para que Cristo habite pela fé nos vossos corações; a fim de, estando arraigados e fundados em amor,

18 Poderdes perfeitamente compreender, com todos os santos, qual seja a largura, e o comprimento, e a altura, e a profundidade,

19 E conhecer o amor de Cristo, que excede todo o entendimento, para que sejais cheios de toda a plenitude de Deus.

20 Ora, àquele que é poderoso para fazer tudo muito mais abundantemente além daquilo que pedimos ou pensamos, segundo o poder que em nós opera,

21 A esse glória na igreja, por Jesus Cristo, em todas as gerações, para todo o sempre. Amém.

1 Por essa razão, eu, Paulo, prisioneiro de Cristo Jesus por amor de vocês, gentios —

2 Certamente vocês ouviram falar da responsabilidade imposta a mim em favor de vocês pela graça de Deus,

3 isto é, o mistério que me foi dado a conhecer por revelação, como já lhes escrevi brevemente.

4 Ao lerem isso vocês poderão entender a minha compreensão do mistério de Cristo.

5 Esse mistério não foi dado a conhecer aos homens doutras gerações, mas agora foi revelado pelo Espírito aos santos apóstolos e profetas de Deus,

6 a saber, que mediante o evangelho os gentios são co-herdeiros com Israel, membros do mesmo corpo, e co-participantes da promessa em Cristo Jesus.

7 Deste me tornei ministro pelo dom da graça de Deus, a mim concedida pela operação de seu poder.

8 Embora eu seja o menor dos menores dentre todos os santos, foi-me concedida esta graça de anunciar aos gentios as insondáveis riquezas de Cristo

9 e esclarecer a todos a administração deste mistério que, durante as épocas passadas, foi mantido oculto em Deus, que criou todas as coisas.

10 A intenção dessa graça era que agora, mediante a igreja, a multiforme sabedoria de Deus se tornasse conhecida dos poderes e autoridades nas regiões celestiais,

11 de acordo com o seu eterno plano que ele realizou em Cristo Jesus, nosso Senhor,

12 por intermédio de quem temos livre acesso a Deus em confiança, pela fé nele.

13 Portanto, peço-lhes que não se desanimem por causa das minhas tribulações em seu favor, pois elas são uma glória para vocês.

14 Por essa razão, ajoelho-me diante do Pai,

15 do qual recebe o nome toda a família nos céus e na terra.

16 Oro para que, com as suas gloriosas riquezas, ele os fortaleça no íntimo do seu ser com poder, por meio do seu Espírito,

17 para que Cristo habite em seus corações mediante a fé; e oro para que vocês, arraigados e alicerçados em amor,

18 possam, juntamente com todos os santos, compreender a largura, o comprimento, a altura e a profundidade,

19 e conhecer o amor de Cristo que excede todo conhecimento, para que vocês sejam cheios de toda a plenitude de Deus.

20 Àquele que é capaz de fazer infinitamente mais do que tudo o que pedimos ou pensamos, de acordo com o seu poder que atua em nós,

21 a ele seja a glória na igreja e em Cristo Jesus, por todas as gerações, para todo o sempre! Amém!