Salmos 63

1 Salmo de Davi, quando se achava no deserto de Judá. Ó Deus, vós sois o meu Deus, com ardor vos procuro. Minha alma está sedenta de vós, e minha carne por vós anela como a terra árida e sequiosa, sem água.

2 Quero vos contemplar no santuário, para ver vosso poder e vossa glória.

3 Porque vossa graça me é mais preciosa do que a vida, meus lábios entoarão vossos louvores.

4 Assim vos bendirei em toda a minha vida, com minhas mãos erguidas vosso nome adorarei.

5 Minha alma saciada como de fino manjar, com exultante alegria meus lábios vos louvarão.

6 Quando, no leito, me vem vossa lembrança, passo a noite toda pensando em vós.

7 Porque vós sois o meu apoio, exulto de alegria, à sombra de vossas asas.

8 Minha alma está unida a vós, sustenta-me a vossa destra.

9 Quanto aos que me procuram perder, cairão nas profundezas dos abismos,

10 serão passados a fio de espada, e se tornarão pasto dos chacais.

11 O rei, porém, se alegrará em Deus. Será glorificado todo o que jurar pelo seu nome, enquanto aos mendazes lhes será tapada a boca.

Publicidade

Capítulos

Bíblias

Publicidade