Oséias 10

1 Israel era uma vinha frondosa, que dava muitos frutos. Porém, quanto mais frutos, mais multiplicava seus altares; quanto mais prosperou a terra, mais ricas estelas construiu.

2 Hipócrita é o seu coração: vai receber o devido castigo; ele mesmo vai derrubar seus altares e quebrar suas estelas.

3 E dizem, com efeito: Não temos rei, porque não tememos o Senhor; e que nos fará o nosso rei?

4 Proferem vãos discursos e juram falso quando concluem suas alianças; os processos brotam como a erva venenosa nos sulcos.

5 Os habitantes de Samaria tremerão por causa do bezerro de Bet-Aven. Seu povo toma luto por ele, e o bando dos seus sacerdotes lamenta-se por causa dele, temendo que sua riqueza lhes seja tirada.

6 Também ele será levado para a Assíria para ser oferecido em homenagem ao grande rei. A confusão apoderar-se-á de Efraim. E Israel se envergonhará de seu ídolo.

7 Samaria está aniquilada, seu rei é como espuma à tona da água.

8 Serão destruídos os lugares altos de Bet-Aven, o pecado de Israel. Espinhos e abrolhos crescerão nos seus altares; dirão então às montanhas: Cobri-nos! E às colinas: Caí sobre nós!

9 Desde os dias de Gabaa, tens pecado, ó Israel. Ali se revoltaram {contra mim}; não os atingirá em Gabaa a guerra contra os maus?

10 Virei castigá-los; os povos se unirão contra eles, porque devem ser punidos pelo seu duplo crime.

11 Efraim é uma novilha bem tratada, que gosta de calcar a eira; mas porei a canga em seu pescoço; atrelarei Efraim, Judá lavrará, Jacó puxará o arado.

12 Semeai na justiça, e colhereis bondade em proporção. Lavrai novas terras! É tempo de buscar o Senhor, até que venha espalhar a justiça sobre vós.

13 Cultivastes o mal e colhestes o pecado; comestes o fruto da mentira; confiastes em vossa política e no grande número de vossos soldados.

14 O tumulto da guerra vai elevar-se em tuas cidades, e todas as tuas fortalezas vão ser destruídas, assim como Salmã destruiu a dinastia de Jeroboão, no dia do combate em que a mãe foi esmagada com seus filhos.

15 Assim sereis tratada, Betel, por causa de vossa maldade; desde a aurora desaparecerá o rei de Israel.

1 Vitis frondosa Israel,fructum producens sibi;secundum multitudinem fructus sui multiplicavit altaria,iuxta ubertatem terrae suaedecoravit simulacra.

2 Divisum est cor eorum,nunc poenas solvent;ipse confringet aras eorum,depopulabitur simulacra eorum.

3 Profecto nunc dicent: Non est rex nobis;non enim timemus Dominum,et rex quid faciet nobis? ".

4 Loqui verba, iurare in vanum,ferire foedus;et germinabit quasi venenum iussuper sulcos agri.

5 De vitulo Bethaventrement habitatores Samariae;quia luget super eum populus eius;dum sacerdotes eius super eumexsultant in gloria eius;vere migrabit ab eo.

6 Siquidem et ipse in Assyriam delatus est,munus regi magno;confusio Ephraim capiet,et confundetur Israel in consilio suo.

7 Perit Samaria,rex eius quasi festuca super faciem aquae.

8 Et disperdentur excelsa impietatis,peccatum Israel;spina et tribulus ascendetsuper aras eorum,et dicent montibus: " Operite nos! "et collibus: " Cadite super nos! ".

9 Ex diebus Gabaa peccavit Israel;ibi perstiterunt.Non comprehendet eos in Gabaaproelium super filios iniquitatis?

10 " Iuxta desiderium meum corripiam eos;congregabuntur super eos populi,cum corripientur propter duas iniquitates suas.

11 Ephraim vitula docta,diligens trituram.Et ego transivi super pulchritudinem colli eius;iunxi Ephraim aratro,arabit Iudas,sarriet sibi Iacob.

12 Seminate vobis in iustitia,metite secundum caritatem;innovate vobis novale.Tempus est requirendi Dominum,donec veniat, ut pluat vobis iustitiam.

13 Arastis impietatem,iniquitatem messuistis,comedistis frugem mendacii,quia confisus es in curribus tuis,in multitudine fortium tuorum.

14 Consurget tumultus in populo tuo,et omnes munitiones tuae vastabuntur,sicut vastavit Salman Betharbeelin die proelii,matre super filios allisa.

15 Sic faciet vobis Bethelpropter maximam nequitiam vestram.Mane interibit rex Israel.