Provérbios 8

1 Escutem, pois a Sabedoria chama! Ouçam, porque o entendimento levanta a voz!

2 No alto dos montes, junto ao caminho, a Sabedoria se coloca nas encruzilhadas.

3 Ao lado das portas da cidade, na entrada, ela anuncia:

4 “A vocês eu clamo, a todos vocês! Levanto minha voz para todo o povo.

5 Vocês, inexperientes, mostrem discernimento! Vocês, tolos, mostrem entendimento!

6 Ouçam, pois tenho coisas importantes a lhes dizer. Tudo que digo é correto,

7 pois falo a verdade, e toda espécie de engano é detestável para mim.

8 Meu conselho é justo; não há nada nele que distorça a verdade ou dela se desvie.

9 Minhas palavras são claras para os que têm entendimento e corretas para os que têm conhecimento.

10 Escolham minha instrução em vez da prata e o conhecimento em vez do ouro puro.

11 Pois a sabedoria vale muito mais que rubis; nada do que você deseja se compara a ela.

12 “Eu, a Sabedoria, moro com a prudência; sei onde encontrar conhecimento e discernimento.

13 Quem teme o Senhor odeia o mal; portanto, odeio o orgulho e a arrogância, a corrupção e as palavras perversas.

14 O bom senso e o sucesso me pertencem, o discernimento e o poder são meus.

15 Graças a mim, os reis governam e as autoridades emitem decretos justos.

16 Com minha ajuda, as autoridades lideram e os nobres julgam com justiça.

17 “Amo os que me amam; os que me procuram por certo me encontrarão.

18 Tenho riquezas e honra, bens duradouros e justiça.

19 Minha dádiva vale mais que ouro, mais que ouro puro; meu rendimento é melhor que a fina prata.

20 Ando em retidão, nos caminhos da justiça.

21 Os que me amam recebem riquezas como herança; sim, encherei seus tesouros!

22 “O Senhor me estabeleceu desde o princípio, antes de criar qualquer outra coisa.

23 Fui designada desde eras passadas, logo no início, antes de a terra existir.

24 Nasci antes que os oceanos fossem criados, antes que a água brotasse de suas fontes.

25 Nasci antes de serem formados os montes, antes de existirem as colinas,

26 quando ele ainda não havia feito a terra e os campos, nem o primeiro punhado de terra.

27 Eu estava lá quando ele estabeleceu o céu, quando traçou o horizonte sobre os oceanos.

28 Estava lá quando ele pôs as nuvens no alto, quando estabeleceu fontes nas profundezas da terra.

29 Estava lá quando ele determinou os limites do mar, para que não avançasse além de suas divisas. E, quando ele demarcou os alicerces da terra,

30 eu estava ao seu lado como arquiteta. Eu era sua alegria constante, sempre exultando em sua presença.

31 Como me alegrei com o mundo que ele criou! Como exultei com a humanidade!

32 “Por isso, meus filhos, ouçam-me, pois todos que seguem meus caminhos são felizes.

33 Ouçam minha instrução e sejam sábios; não a desprezem.

34 Felizes os que me ouvem, que ficam à minha porta todos os dias, esperando por mim na entrada de minha casa!

35 Pois quem me encontra, encontra vida e recebe o favor do Senhor.

36 Quem não me encontra, prejudica a si mesmo; todos que me odeiam amam a morte”.

Copyright© 2017 por Editora Mundo Cristão. Todos os direitos reservados em língua portuguesa. A Nova Versão Transformadora (NVT) e seu logotipo são marcas registradas. Usados com permissão.