Salmos 103

1 Bendize, ó minha alma, ao SENHOR, e tudo o que há em mim bendiga o seu santo nome.

2 Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nenhum de seus benefícios.

3 Ele é o que perdoa todas as tuas iniqüidades, que sara todas as tuas enfermidades,

4 Que redime a tua vida da perdição; que te coroa de benignidade e de misericórdia,

5 Que farta a tua boca de bens, de sorte que a tua mocidade se renova como a da águia.

6 O Senhor faz justiça e juízo a todos os oprimidos.

7 Fez conhecidos os seus caminhos a Moisés, e os seus feitos aos filhos de Israel.

8 Misericordioso e piedoso é o Senhor; longânimo e grande em benignidade.

9 Não reprovará perpetuamente, nem para sempre reterá a sua ira.

10 Não nos tratou segundo os nossos pecados, nem nos recompensou segundo as nossas iniqüidades.

11 Pois assim como o céu está elevado acima da terra, assim é grande a sua misericórdia para com os que o temem.

12 Assim como está longe o oriente do ocidente, assim afasta de nós as nossas transgressões.

13 Assim como um pai se compadece de seus filhos, assim o Senhor se compadece daqueles que o temem.

14 Pois ele conhece a nossa estrutura; lembra-se de que somos pó.

15 Quanto ao homem, os seus dias são como a erva, como a flor do campo assim floresce.

16 Passando por ela o vento, logo se vai, e o seu lugar não será mais conhecido.

17 Mas a misericórdia do Senhor é desde a eternidade e até a eternidade sobre aqueles que o temem, e a sua justiça sobre os filhos dos filhos;

18 Sobre aqueles que guardam a sua aliança, e sobre os que se lembram dos seus mandamentos para os cumprir.

19 O Senhor tem estabelecido o seu trono nos céus, e o seu reino domina sobre tudo.

20 Bendizei ao Senhor, todos os seus anjos, vós que excedeis em força, que guardais os seus mandamentos, obedecendo à voz da sua palavra.

21 Bendizei ao Senhor, todos os seus exércitos, vós ministros seus, que executais o seu beneplácito.

22 Bendizei ao Senhor, todas as suas obras, em todos os lugares do seu domínio; bendize, ó minha alma, ao Senhor.

1 Salmo de Davi. Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e tudo o que existe em mim bendiga o seu santo nome.

2 Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e jamais te esqueças de todos os seus benefícios.

3 É ele que perdoa as tuas faltas, e sara as tuas enfermidades.

4 É ele que salva tua vida da morte, e te coroa de bondade e de misericórdia.

5 É ele que cumula de benefícios a tua vida, e renova a tua juventude como a da águia.

6 O Senhor faz justiça, dá o direito aos oprimidos.

7 Revelou seus caminhos a Moisés, e suas obras aos filhos de Israel.

8 O Senhor é bom e misericordioso, lento para a cólera e cheio de clemência.

9 Ele não está sempre a repreender, nem eterno é o seu ressentimento.

10 Não nos trata segundo os nossos pecados, nem nos castiga em proporção de nossas faltas,

11 porque tanto os céus distam da terra quanto sua misericórdia é grande para os que o temem;

12 tanto o oriente dista do ocidente quanto ele afasta de nós nossos pecados.

13 Como um pai tem piedade de seus filhos, assim o Senhor tem compaixão dos que o temem,

14 porque ele sabe de que é que somos feitos, e não se esquece de que somos pó.

15 Os dias do homem são semelhantes à erva, ele floresce como a flor dos campos.

16 Apenas sopra o vento, já não existe, e nem se conhece mais o seu lugar.

17 É eterna, porém, a misericórdia do Senhor para com os que o temem. E sua justiça se estende aos filhos de seus filhos,

18 sobre os que guardam a sua aliança, e, lembrando, cumprem seus mandamentos.

19 Nos céus estabeleceu o Senhor o seu trono, e o seu império se estende sobre o universo.

20 Bendizei ao Senhor todos os seus anjos, valentes heróis que cumpris suas ordens, sempre dóceis à sua palavra.

21 Bendizei ao Senhor todos os seus exércitos, ministros que executais sua vontade.

22 Bendizei ao Senhor todas as suas obras, em todos os lugares onde ele domina. Bendize, ó minha alma, ao Senhor.