Provérbios 10

1 Os provérbios de Salomão: O filho sábio alegra seu pai, o filho tolo entristece sua mãe.

2 As riquezas de origem desonesta não têm valor duradouro, mas uma vida justa livra da morte.

3 O Senhor não deixa o justo passar fome, mas se recusa a satisfazer o desejo dos perversos.

4 O preguiçoso logo empobrece, mas os que trabalham com dedicação enriquecem.

5 O jovem sábio faz a colheita no verão, mas o que dorme durante a colheita é uma vergonha.

6 O justo é coberto de bênçãos, mas as palavras dos perversos ocultam violência.

7 O justo deixa boas lembranças, mas o nome dos perversos apodrece.

8 O sábio recebe os mandamentos de bom grado, mas as palavras do insensato causam sua ruína.

9 Quem anda em integridade anda em segurança; quem segue caminhos tortuosos será exposto.

10 Quem fecha os olhos para a maldade causa problemas, mas a repreensão clara promove a paz.

11 As palavras do justo são fonte de vida; as palavras dos perversos ocultam intenções violentas.

12 O ódio provoca brigas, mas o amor cobre todas as ofensas.

13 Palavras sábias vêm dos lábios de quem tem entendimento, mas quem não tem juízo é castigado com a vara.

14 Os sábios guardam o conhecimento como um tesouro, mas a conversa do insensato só conduz à desgraça.

15 A riqueza do rico é sua fortaleza; a pobreza dos pobres é sua destruição.

16 O salário do justo produz vida, mas o dinheiro do perverso o conduz ao pecado.

17 Quem aceita a disciplina está no caminho da vida, mas o que despreza a repreensão se desvia dele.

18 Quem esconde o ódio se torna mentiroso; quem espalha calúnias é tolo.

19 Quem fala demais acaba pecando; quem é prudente fica de boca fechada.

20 As palavras do justo são como a fina prata; o coração do perverso não tem valor algum.

21 As palavras do justo dão ânimo a muitos, mas os insensatos são destruídos por falta de juízo.

22 A bênção do Senhor traz riqueza, e ele não permite que a tristeza a acompanhe.

23 O tolo se diverte em fazer o mal, mas o sensato tem prazer em viver com sabedoria.

24 Os temores do perverso se tornarão realidade; as esperanças dos justos lhe serão concedidas.

25 As tempestades da vida levam embora o perverso, mas o justo tem alicerce duradouro.

26 Como vinagre nos dentes ou fumaça nos olhos, assim o preguiçoso irrita seus chefes.

27 O temor do Senhor prolonga a vida, mas os dias dos perversos são encurtados.

28 As esperanças dos justos resultam em alegria; as expectativas dos perversos não dão em nada.

29 O caminho do Senhor é fortaleza para os íntegros, mas é destruição para os que praticam o mal.

30 O justo jamais será abalado, mas os perversos serão removidos da terra.

31 A boca do justo oferece conselhos sábios, mas a língua que engana será cortada.

32 Dos lábios do justo vêm palavras proveitosas, mas da boca dos perversos só vêm palavras más.

Copyright© 2017 por Editora Mundo Cristão. Todos os direitos reservados em língua portuguesa. A Nova Versão Transformadora (NVT) e seu logotipo são marcas registradas. Usados com permissão.