Isaías 9

1 Esse tempo de escuridão e desespero, no entanto, não durará para sempre. A terra de Zebulom e de Naftali será humilhada, mas no futuro a Galileia dos gentios, localizada junto à estrada entre o Jordão e o mar, se encherá de glória.

2 O povo que anda na escuridão verá grande luz. Para os que vivem na terra de trevas profundas, uma luz brilhará.

3 Tu multiplicarás a nação de Israel, e seu povo se alegrará. Eles se alegrarão diante de ti como os camponeses se alegram na colheita, como os guerreiros ao repartir os despojos.

4 Pois tu quebrarás o jugo de escravidão que os oprimia e levantarás o fardo que lhes pesava sobre os ombros. Quebrarás a vara do opressor, como fizeste ao destruir o exército de Midiã.

5 As botas dos guerreiros e os uniformes manchados de sangue das batalhas serão queimados; servirão de lenha para o fogo.

6 Pois um menino nos nasceu, um filho nos foi dado. O governo estará sobre seus ombros, e ele será chamado de Maravilhoso Conselheiro, Deus Poderoso, Pai Eterno e Príncipe da Paz.

7 Seu governo e sua paz jamais terão fim. Reinará com imparcialidade e justiça no trono de Davi, para todo o sempre. O zelo do Senhor dos Exércitos fará que isso aconteça!

8 O Senhor se pronunciou contra Jacó, seu julgamento caiu sobre Israel.

9 Os habitantes de Israel e de Samaria, que falaram com tanto orgulho e arrogância, logo ficarão sabendo.

10 Disseram: “No lugar dos tijolos quebrados de nossas ruínas, colocaremos pedras trabalhadas, e no lugar das figueiras-bravas derrubadas, plantaremos cedros”.

11 O Senhor, porém, trará os inimigos de Rezim contra Israel e instigará seus adversários.

12 Os sírios do leste e os filisteus do oeste mostrarão suas presas e devorarão Israel. Mesmo assim, a ira do Senhor não se satisfará; sua mão ainda está levantada para castigar.

13 Pois mesmo depois do castigo, o povo não se arrependerá; não buscará o Senhor dos Exércitos.

14 Portanto, em um só dia, o Senhor destruirá a cabeça e a cauda, o ramo da palmeira e o junco.

15 Os líderes de Israel são a cabeça, os profetas mentirosos são a cauda.

16 Pois esses líderes enganaram o povo e o conduziram pelo caminho da destruição.

17 Por isso o Senhor não se agrada dos jovens, nem mostra compaixão pelas viúvas e pelos órfãos. Pois todos são hipócritas perversos; todos falam tolices. Mesmo assim, a ira do Senhor não se satisfará; sua mão ainda está levantada para castigar.

18 Essa maldade é como incêndio num matagal; consome não apenas os espinhos e o mato, mas também queima os bosques e faz subir nuvens de fumaça.

19 A terra ficará ressecada, por causa da fúria do Senhor dos Exércitos. O povo servirá de lenha para o fogo, e ninguém poupará sequer seu irmão.

20 Atacarão o vizinho à direita, mas continuarão com fome. Devorarão o vizinho à esquerda, mas não se saciarão; por fim, comerão os próprios filhos.

21 Manassés se alimentará de Efraim, Efraim se alimentará de Manassés, ambos devorarão Judá. Mesmo assim, a ira do Senhor não se satisfará; sua mão ainda está levantada para castigar.

Copyright© 2017 por Editora Mundo Cristão. Todos os direitos reservados em língua portuguesa. A Nova Versão Transformadora (NVT) e seu logotipo são marcas registradas. Usados com permissão.