Isaías 16

1 Enviem cordeiros desde Selá, como tributo ao governante da terra. Enviem-nos pelo deserto, para o monte da bela Sião.

2 As mulheres de Moabe foram abandonadas, como aves sem ninho, nas partes rasas do rio Arnom.

3 “Ajudem-nos!”, elas clamam. “Defendam-nos como uma sombra ao meio-dia! Protejam os fugitivos; não nos traiam agora que escapamos.

4 Deixem que o povo de Moabe more com vocês; escondam nossos refugiados do inimigo, até que passe o terror.” Quando a opressão e a destruição tiverem terminado, quando os invasores inimigos tiverem partido,

5 Deus estabelecerá como rei um dos descendentes de Davi. Ele reinará com misericórdia e verdade, julgará sempre com imparcialidade e buscará fazer o que é justo.

6 Ouvimos falar da arrogante Moabe, de seu orgulho, sua altivez e sua fúria, mas toda essa soberba desapareceu.

7 Toda a terra de Moabe chora, sim, todos em Moabe lamentam ao lembrar dos bolos de passas de Quir-Haresete; não resta um sequer.

8 As plantações de Hesbom estão abandonadas, os vinhedos de Sibma, desertos. Os governantes das nações derrubaram Moabe, essa bela videira. Seus ramos se estendiam para o norte, até a cidade de Jazar, e se espalhavam para o leste, até o deserto. Seus brotos se estendiam tão longe para o oeste que atravessavam o mar Morto.

9 Por isso, agora choro por Jazar e pelos vinhedos de Sibma; minhas lágrimas correrão por Hesbom e por Eleale. Não há mais gritos de alegria por seus frutos de verão e suas colheitas.

10 Encerrou-se a alegria, acabou-se a celebração pela colheita. Já não haverá cânticos nos vinhedos, nem gritos de exultação, ninguém pisará as uvas nos tanques de prensar; acabei com toda a alegria de suas colheitas.

11 O clamor de meu coração por Moabe é como o lamento de uma harpa; estou cheio de angústia por Quir-Haresete.

12 O povo de Moabe adorará em seus santuários idólatras, mas de nada lhe adiantará. Clamarão aos deuses em seus templos, mas ninguém poderá salvá-los.

13 O Senhor já havia anunciado essas coisas sobre Moabe no passado.

14 Agora, porém, o Senhor diz: “Dentro de três anos, contando cada dia, a glória de Moabe chegará ao fim. De sua grande população, restarão uns poucos sobreviventes”.

Copyright© 2017 por Editora Mundo Cristão. Todos os direitos reservados em língua portuguesa. A Nova Versão Transformadora (NVT) e seu logotipo são marcas registradas. Usados com permissão.