Salmos 64

1 Ó Deus, ouve minha queixa; protege-me das ameaças de meus inimigos.

2 Esconde-me das tramas dessa multidão perversa, do tumulto dos que praticam o mal.

3 Eles afiam a língua como espada e apontam palavras amargas como flechas.

4 De emboscadas, atiram nos inocentes; atacam de repente, sem medo algum.

5 Animam uns aos outros a fazer o mal e planejam como preparar armadilhas em segredo. “Quem nos verá?”, perguntam.

6 Enquanto tramam seus crimes, dizem: “Criamos o plano perfeito!”. Sim, o coração e a mente do ser humano são astutos.

7 Deus, porém, os atingirá com suas flechas e repentinamente os derrubará.

8 A própria língua os levará à ruína, e todos que os virem balançarão a cabeça em desprezo.

9 Quando isso acontecer, todos temerão; proclamarão as obras de Deus e entenderão o que ele faz.

10 Os justos se alegrarão no Senhor e nele encontrarão refúgio, e os que têm coração íntegro o louvarão.

Copyright© 2017 por Editora Mundo Cristão. Todos os direitos reservados em língua portuguesa. A Nova Versão Transformadora (NVT) e seu logotipo são marcas registradas. Usados com permissão.